MF-272000 - Cinzas em Derivados de Petróleo​

Método.

ASTM D482 - ASTM D874 - ASTM D4422, IP 4, IP 163, ISO 3987 e ISO 6245

O MF-272000 determina cinzas  conforme os métodos:  

ASTM D482 – IP 4 – ISO 6245 – Cinzas de Produtos de Petróleo. Este método de teste cobre a determinação de cinzas na faixa de 0,001-0,180% em massa, de destilados e combustíveis residuais, combustíveis de turbina a gás, óleos brutos, óleos lubrificantes, ceras e outros produtos de petróleo, em que quaisquer materiais formadores de cinzas presentes são normalmente considerados impurezas ou contaminantes indesejáveis. O método de teste é limitado a produtos de petróleo que são livres de aditivos formadores de cinza adicionados, incluindo certos compostos de fósforo.

MF-272000

ASTM D874 – IP 163 – ISO 3987 – Cinzas Sulfatadas de Óleos Lubrificantes e Aditivos. Este método de teste cobre a determinação das cinzas sulfatadas de óleos lubrificantes não usados ​​contendo aditivos e de concentrados de aditivos usados ​​na composição. Esses aditivos geralmente contêm um ou mais dos seguintes metais: bário, cálcio, magnésio, zinco, potássio, sódio e estanho. Os elementos enxofre, fósforo e cloro também podem estar presentes na forma combinada. A aplicação deste método de teste para níveis de cinzas sulfatadas abaixo de 0,02% em massa é restrita a óleos contendo aditivos sem cinzas. O limite inferior do método é 0,005% em massa de cinzas sulfatadas.

ASTM D4422 – Cinza em Análise de Coque de Petróleo. Este método de ensaio cobre a determinação do teor de cinzas do coque de petróleo.